Resenha: Dezesseis - A Estrada da Morte, Simone Pesci

12/09/2015



Título: Dezesseis - A Estrada da Morte
Autora: Simone Pesci
Editora: Tribo das Letras
Páginas: 318
João Roberto, conhecido por todos como Johnny — O Rei dos Pegas — acabara de completar “Dezesseis”. Estereotipado como “rebelde sem causa”, levava uma vida desregrada, ao lado dos amigos, mostrando-se o cara legal e o maioral. Desejado por muitas garotas, sempre vencia os rachas que participava. Porém, ele não contava com um sobressalto do destino... Assim, apaixonou-se por Ana Cláudia, uma linda e doce garota que se tornaria sua salvação, bem como sua perdição. Dentre tantos conflitos e percalços para ficar ao lado de seu grande amor, Johnny entra de cabeça em uma disputa com destino à estrada da morte.
Inspirado na canção “Dezesseis” — da banda brasileira Legião Urbana — este é um enredo de amor recheado com muitas aventuras.
Apaixone-se, retorne no tempo, relembre seus “Dezesseis”... e seja, você também, um “rebelde sem causa”...


João Roberto era o maioral
O nosso Johnny era um cara legal

Ele tinha um Opala metálico azul
Era o rei dos pegas na Asa Sul
E em todo lugar
-Trecho da música Dezesseis

Esse é o João Roberto... Um garoto de 16 anos que vive a vida intensamente, regada à álcool, maconha e muita, muita adrenalina.
Johnny mora com a mãe, estuda (quando lhe dá na telha) e trabalha em uma oficina mecânica.
Sua vida sofre uma reviravolta quando conhece Ana Cláudia, uma linda garota que veio para mudar algo dentro dele, mas infelizmente é filha de seu nêmesis, o delegado.
Os dois irão enfrentar muitas barreiras para conseguir viver esse amor, uma delas é Samuel filho da puta do prefeito.
Antes de conhecer Johnny, Ana era muito próxima do Samuel, que costuma ter o que quer, sem se importar com as consequências, e fará de tudo para atrapalhar a vida do casal.

Mas a pergunta que não quer calar é: por que tanta gente é contra o relacionamento de Ana Claudia e João Roberto?

Segredos serão revelados, vidas serão transformadas...
Sorrimos sabendo que aquele seria um dia bom. Descobrimos uma afinidade, que, a cada segundo, era mais visível, expandindo-se de maneira avassaladora. Era como se já nos conhecêssemos há tempos.

Bom, para quem conhece a música o final do livro não é surpresa, o surpreendente está em como a Simone conduziu a história para chegar ao final.

O livro é inspirado na música da Legião, mas pode ser considerado uma releitura de Romeu e Julieta, e o resultado ficou muito bom.

Me emocionei em vários momentos e senti a tensão dos personagens em tantos outros, assim como muita raiva daquele maldito delegado.

Os personagens são bem convincentes, o delegado, a mãe do Johnny, seu grupo de amigos super leais, o Sammy, a Ana que é um anjo, como o próprio Johnny a apelida com razão, ela é uma pessoa incrível e o Johnny é um caso à parte, bonito, charmoso, intenso (só achei ele meio exagerado e dramático em alguns momentos) e eu definitivamente não conseguia vê-los como jovens de 16 anos.

A Simone fez um belo trabalho contando sua versão da história por trás da música e só posso parabenizá-la por isso.

O livro é narrado em primeira pessoa principalmente pelo Johnny, com alguns capítulos narrados pela Ana e pelo Samuel.
A narrativa é leve e flui super bem.

E sobre a diagramação do livro: simplesmente não tenho palavras! está um espetáculo, vejam nas fotos:



 





Lindona essa diagramação né?


Se você não conhece a música e não gosta de spoilers então nem ouça agora...


Comente com o Facebook:

24 comentários

  1. Angélica, eu perdi o fôlego agora!
    Que alegria saber que você curtiu, afinal, o livro é dedicado especialmente para os fãs da Legião Urbana, e sei que você é uma legionária. S2
    Eu sempre escutei essa canção e pensava o porquê do Johnny cometer tal ato, procurei por tudo quanto é canto algo sobre essa canção, quem sabe até mesmo uma fanfic (coisa que eu não curto), e não encontrei nadica de nada. Foi quando me arrisquei em dar vida ao João Roberto e o seu Opala metálico azul. Obrigada por dedicar parte do seu tempo para/com a leitura e também pela parceria. S2 P.S: Amei a resenha. \o/

    Abraços literários e legionários,

    Simone Pesci

    http://simonepesci.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. olha... bem que poderiam ter colocado na capa um modelo que lembrasse a idade de 16 anos, porque ficou bem forçado esse modelo escolhido... conheço a música, mas não curti o livro, achei a escrita da autora bem fraca... nem consegui chegar ao final...

    ResponderExcluir
  3. Poxa, Maria Valéria... Que pena que você não curtiu. De qualquer forma, agradeço por tentar. Um dia eu chego lá, com uma escrita mais forte. rs

    Abraços literários,

    Simone Pesci

    http://simonepesci.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Gostei desse livro ♥ Adoro esses carinhas bad boy que conhecem uma menina mais certinha, tipo parece enredo de filme.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  5. Olá! Como vai?
    Eu fiquei muito confusa com relação a esse livro. Não sei se quero ler ou não! rss
    O fato de ser inspirado em uma música da Legião Urbana me deixou animada, porém a premissa é tão batida e tão "mais do mesmo" que eu acredito que não farei a leitura no futuro.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Confesso que tenho muita curiosidade para conhecer essa história da Simone. Ainda não li nada dela, mas sempre vi muitos elogios sobre sua escrita.
    E a premissa de Dezesseis, a estrada da morte me chama muito a atenção. Ainda mais depois de ler sua resenha.
    Com certeza irei ler se tiver oportunidade. Espero que a leitura me agrade tanto quanto lhe agradou.
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  7. Ahhh eu amo essa história. AMo tudo o que a Si escreve na verdade.
    Tudo o que ela escreve é real, é emocionante e uma verdadeira lição.
    Pena que nem todos sabem apreciar uma boa escrita.

    ANgélica sua resenha ficou ótima, só senti falta de saber um pouco mais sobre o que você sentiu.
    Abraços
    Fer
    http://www.matoporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie! Gostei da resenha, mas infelizmente não me interesse pelo livro :(

    http://luxuosoestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Apesar de ter achado interessante o livro ser inspirado na música do Legião, nada nessa história me interessou.
    Não curti as características do personagem e o fato de possivelmente haver um triângulo amoroso na história me desanima ainda mais.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu quero muito ler esse livro, eu o conheci em um outro blog numa semana especial dele. Achei a premissa bem legal e sua resenha só me animou mais.
    A capa não sou muito fã, mas a história parece ser bem legal.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  11. Oii
    Nao conhecia esse livro nem a autora.
    Gostei muito da premissa e amei a edição, parece bem caprichada!
    Bju

    ResponderExcluir
  12. Já ouvi a música do Legião e adoro! Bom, o enredo parece ser muito bom e com uma pegada de drama! Adorei! Sinceramente a capa passa outro sentimento, está mais para Hot, sabe, sem nada de drama! E que diagramação? Linda!!

    Abraços e até!!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oie
    Acho que não conhecia o livro mas parece ser bem interessante, acho que leria se tivesse oportunidade e sua resenha ficou ótima

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Não sei bem o que dizer. Eu gosto da música, mas esses tipos de livro são suspeitos. E vi muita gente reclamando dele. Tenho receio. Mas que bom que gostou :)

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?
    Não conhecia o livro e esse tipo de história não me chama atenção. Sua resenha ficou ótima, mas vou passar a dica ;)
    Beijos
    Academia Literária DF

    ResponderExcluir
  16. Oii,
    A história é bem empolgante, pelo menos eu achei. E fiquei bastante interessada em saber o restante da história e como tudo acabará.

    beijos

    ResponderExcluir
  17. Oee,
    Esse tipo de historia não me chama a atenção e a capa também não achei muito legal porque o cara que esta ai não parece ter 16 anos.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. O enredo parece meio clichê, e o cara da capa destoa da idade dos personagens, mas pelo menos chama a atenção rsrsrs
    Gostei da diagramação do livro, vou colocar na lista, mas sem expectativas

    ResponderExcluir
  19. Olá,
    Não gostei da diagramação, acho desconfortável ler com uma foto no fundo. As imagens do violão até que são bonitinhas, mas pela foto embaixo das letras não leria. Sobre a história não tenho paciência para músicas no meio da história, então não leria.

    ResponderExcluir
  20. Oi Angélica, eu não conhecia o livro e confesso que fiquei super curiosa para ler e ver o que eu acho, a sua resenha está incrível e pela trama tenho certeza que irei amar e não vou me decepcionar!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  21. eu querooo \o/ eu lembro quando você fez o post sobre o lançamento e comentou sobre ter influência do legião nele e fiquei beem curiosa, agora to mais o/

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia esse livro e confesso que o mesmo não chamou a minha atenção, então vou dispensar a dica, mas gostei da sua resenha e quem sabe mais para frente não queira ler algo assim, né?

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  23. Oii!

    Quero muito ler esse livro ^^
    Achei bem bacana a escritora se inspirar na música para criar a obra :)
    Parabéns pela resenha!

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir

 
A. Libri © Copyright 2017 ♥ Ilustração by Vexels.com ♥ Design by Kris Monneska.